sexta-feira, 7 de maio de 2010

Tensão

Até quando e quanto agüentar , e o que fazer !!!


Achávamos que com o progresso científico o ser humano iria trabalhar menos e ter mais lazer, mas não é isso que está acontecendo, muito o contrario, tudo está mais rápido apesar do tempo cronológico ser o mesmo .
As transformações estão ocorrendo com muita rapidez , o consumismo, a insegurança o medo de perder o emprego, ou não conseguir sobreviver, tendo que trabalhar mais e ganhar menos , principalmente a classe média que sustenta o país e dá emprego, é sufocada pela política econômica a vários anos . A tensão e o stress negativo aumentam no mundo todo com o medo do terrorismo , e nos sentimos impotentes perante acontecimentos que não dependem somente de nós, mas de toda a sociedade mundial , causando angustias e depressão .
O que fazer: lagar tudo , mudar de vida , fugir dos problemas , não é fácil nos adaptarmos a uma mudança radical, no fundo temos um lado animal em desenvolvimento pela sobrevivência , e como temos consciência disso , e o pior ou melhor juiz é a nossa própria consciência , sofremos mais que os animais porque raciocinamos e a nossa tensão não é só física é também psiquica. Nos irritamos com facilidade pois as coisas não saem do jeito que gostaríamos e não sabemos lidar com as frustrações e daí podemos ficar agressivos, uns mais do que outros, ocorrendo as barbaridades que vemos diariamente quando alguém morre , por um real, por uma discussão qualquer ou porque levou um susto ao ser assaltado.
É bom produzir os hormônios adequadamente , mas adrenalina ou cortisol demais prejudicam . As tensões devem ser vistas como desafios e não como obstáculos intransponíveis , conviver bem com o stress positivo é saudável . Respeite-se , descanse, relaxe , tire férias agradáveis , faça o que gosta , gostando do que faz . A tensão sem controle, prejudica todo o organismo, causando doenças psicossomáticas e auto imunes . A mudança é uma porta que se abre pelo lado de dentro, seja menos resistente a mudanças , seja como um rio que nasce na montanha vai aumentando superando obstáculos e desaguando no oceano se misturando ao todo coletivo. Conheça os seus limites , dispare o alarme antes que sucumba , pratique exercícios físicos de acordo com sua condição física, se alimente corretamente, se permita ao lazer, tome atitudes , seja menos radical, diga não quando for preciso, compartilhe suas dificuldades ,conflitos e problemas com amigos ou profissionais da área, se relacione mais. Curta a vida ,pois o que se leva dessa vida é a vida que agente leva . Pense antes de agir , reflita, não haja por impulso , seja preventivo, não deixe para amanhã o que pode ser feito hoje . Não adianta fugir dos problemas , pois eles estão dentro de nós , enfrente-os, não adianta ir a marte, eles iram juntos. Não seja arrogante , tenha compaixão .
A tensão deve ser sua aliada e não inimiga , conviva bem com ela e assim será mais feliz e terá mais paz e serenidade .
Tenha esperança , acredite , sempre existe uma saída ...


Marco Antonio Garcia
Psicólogo Clinico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sofrimentos                                                                                                          O ser humano co...